• Quel ^^

SM fala sobre Lee Soo Man e transações internas suspeitas


O portal de notícias Asia Economy Daily divulgou um relatório afirmando que a SM Entertainment vem pagando 10 bilhões de won (aproximadamente R$33.632.950,90) para a empresa particular de Lee Soo Man por dois anos seguidos.


O relatório continua e declara que a empresa tem estado sob suspeitas de transações internas ilegais por muitos anos. De acordo com o relatório de negócios da SM em 2017, SM pagou ₩10.832.700.000,00 (aproximadamente R$36.433.566,72) à uma empresa chamada Like Planning ao longo do ano. Like Planning foi criada por Lee Soo Man em 1997. O relatório de negócios declara que Like Planning é responsável pela produção e pelo áudio dos álbuns dos artistas da SM.


Ano passado, o valor que a SM pagou à Like Planning equivaleu a aproximadamente 5% do total de suas vendas: 216.1 bilhões de won (aproximadamente R$726.471.739,35). Em 2016, a SM pagou ₩11.039.580.000,00 (aproximadamente R$37.129.365,200 à Like Planning. A quantidade também foi aproximadamente 5% do valor de vendas daquele ano. O relatório da SM até mesmo especifica: "Nossa empresa deve pagar à Like Planning até 6% de tadas de direitos autorais".


Os pagamentos da SM à Like Planning vêm aumentando a cada ano. Em 2014, o pagamento foi de 7.5 bilhões de won (aproximadamente R$25.224.713,17), e em 2015 foi 9.9 bilhões de won (aproximadamente R$33.296.621,39). Após 2015, os pagamentos passaram de 10 bilhões de won (aproximadamente R$33.632.950,90). Em 2015, as regras dos pagamentos foram ajustadas para que a Like Planning possa receber até 6% das vendas totais como direitors autorais ao invés de 15% de direitos autorais pelas vendas de álbuns. Dado que as vendas da SM contribuem com 21,95% das vendas da empresa, os termos do novo contrato e as condições após 2015 são muito mais favoráveis para a Like Planning.


Por causa dessas grandes quantidades de dinheiro indo para a empresa pessoal de Lee Soo Man, muitos têm criticado e chamam isto de "transação interna" que enche os bolsos de Lee Soo Man. A SM foi listada na KOSDAQ (bolsa de valores sul-coreana) em 2000 e não tem feito pagamentos sobre seus lucros desde então. Lee Soo Man demitiu-se de sua posição como diretor em 2010, então ele não recebe nenhum dinheiro das ações da SM ou salário. O relatório declara que parece que Lee Soo Man continua sendo pago através do dinheiro que vai para a Like Planning.


Um pesquisador de uma empresa de segurança especializada em negócios de entretenimento comentou: "Há casos nos quais os lucros diminuem por causa de transações internas". Por causa dos efeitos da implantação do THAAD (sistema antimíssil), os lucros da SM cairam de 38.4 bilhões de won (aproximadamente R$1.291.505.314,39) em 2015 para 20.7 bilhões de won (aproximadamente R$696.202.083,54) em 2016 e 10.9 bilhões de won (aproximadamente R$36.659.916,48) ano passado. O lucro total da empresa em 2017 foi similar ao valor pago à Like Planning. Isso significa que, apesar da queda dos lucros, os pagamentos recebids pela Like Planning continuam aumentando.


Uma fonte da indústria de segurança de empresas falou sobre como transações internas deste tipo podem causar um problema no livre comércio. Ela disse: "Acionistas podem fazer reclamações sobre os lucros da empresa estarem vazando".


SM Entertainment respondeu ao relatório e declarou que as transações estão dentro da lei. Leia a declaração completa abaixo:


"Aqui é a SM Entertainment.


Nossa empresa gostaria de revelar nossa posição oficial em relação ao relatório divulgado por um portal de notícias sobre o contrato de produção entre nossa empresa e a Like Planning.


O contrato existente entre estas duas empresas tem sido e continua sendo considerado um dos aspectos mais importantes quanto os conteúdos globais de nossa emporesa, nossa competitividade e osso crescimento. Antes e após termos sido listados na KOSDAQ em 2000, anunciamos transparentemente o contrato e as transações relacionadas a ele".


Sobre nosso contrato com a Like Planning, examinamos cuidadosamente precedentes ocorridos com empresas globais similares e obtivemos conselhos de um terceiro indíviduo profissional e assinamos um contrato que era racional em comparação. Não há problemas legais em relação ao contrato e não há transações internas que vão contra a lei.


Como uma companhia líder na Hallyu e no K-POP, crescemos continuamente. Continuaremos liderando o mercado de entretenimento global e através da expansão do mercado global e do crescimento dos lucros, planejamos aumentar os lucros de nossos acionistas, trabalhadores e artistas.


Obrigado".


Fonte: (1)

Instagram

Youtube

Facebook

Twitter

Email para contato: osowakorea@gmail.com

541.111.418-70

Prazo de entrega: 7-10 dias úteis