• Tas

KyeongHa, do TST, é condenado por abuso sexual + resposta da agência

Atualizado: 4 de Jun de 2018


KyeongHa, membro do TST (anteriormente conhecido como TopSecret), foi acusado de violar o Ato de Proteção Sexual Juvenil.


Em 31 de maio, foi relatado que Lee KyeongHa ("Lee"), havia recebido uma sentença de prisão de 1 ano e 6 meses, período probatório de 3 anos, e 40 horas de um programa de tratamento para ofensores sexuais. Ele foi acusado de cometer abuso sexual contra "A", uma colega da mesma idade que ele, em dezembro de 2014. A sentença foi pronunciada pelos tribunais em 24 de maio.


Detalhes do caso afirmam que Lee admitiu ter sentido desejo sexual por "A" enquanto caminhava com ela na rua, e quando "A" fugiu, ele a seguiu até o primeiro andar de um prédio e a agrediu sexualmente. Após o ocorrido, ele admitiu o ato e pediu desculpas, e disse que mudou de atitude depois de estrear como artista no ano passado.


No ano passado, "A" postou a história no Facebook, mas quando a agência do TST negou as acusações, "A" entrou com uma acusação formal contra Lee, em abril de 2017.


Lee e sua agência não obedeceram imediatamente a sentença dita pelo tribunal na semana passada, e entraram com um recurso em 29 de maio. Uma fonte representando Lee declarou: "Continuamos a negar as alegações e pretendemos continuar promovendo como de costume, por isso apresentamos o recurso."


Após a notícia de que KyeongHa foi condenado por violar o Ato de Proteção Sexual Juvenil, a JSL Company, agência de TST, publicou a seguinte declaração:


"Olá, esta é JSL Company, agência de TST.


A todos que apoiaram o TST, expressamos nossas sinceras desculpas por evocar notícias.


A sentença de KyeongHa, que foi revelada através da mídia, é verdadeira. Em 24 de maio, ele foi condenado a 1 ano e 6 meses de prisão, suspenso por 3 anos. Uma segunda apelação de avaliação foi enviada e há planos para continuar apelando até o final.


Além disso, todos os planos futuros e promoções, incluindo a aparição de hoje no 'M!Countdown', da Mnet, foram interrompidos e iremos nos concentrar na solução desse problema.


Quando o questão de KyeongHa terminar, publicaremos outra declaração. Novamente, pedimos sinceras desculpas. Nos desculpe."


TST realizou seu último retorno em 23 de maio.



Fonte: (1)


Nós da equipe Osowa Korea gostaríamos de lembrá-los (as): o único membro responsável e culpado por suas ações é Lee Kyeong Ha. Por favor, não joguem hate no grupo. O restante dos membros do TopSecret não estão relacionados de maneira alguma a esse crime e são inocentes. Eles passarão por um momento muito difícil com essa polêmica envolvendo seu maknae então, por favor, não deem hate aos meninos e separem o Kyeong Ha do restante do grupo. A culpa é única e exclusivamente do Kyeong Ha. Pedimos aqui que deem apoio ao restante do grupo diante desta complicada situação, e que compreendam que as ações do Kyeong Ha terão um enorme impacto na carreira inteira do TopSecret.

Instagram

Youtube

Facebook

Twitter

Email para contato: osowakorea@gmail.com

541.111.418-70

Prazo de entrega: 7-10 dias úteis